Está aqui

Está aqui

  • Técnicos Certificados de Resposta a Emergências (CERT) formados pela Agência Aga Khan para o Habitat participam num simulacro de resposta a um desastre.
    Agência Aga Khan para o Habitat
A Agência Aga Khan para o Habitat - Tajiquistão estabelece parceria com o Centro para Situações de Emergência e Redução do Risco de Desastres no Cazaquistão

Duchambé, Tajiquistão, 6 de Março de 2018 – A Agência Aga Khan para o Habitat (AKAH) tem o prazer de anunciar a assinatura de um Memorando de Entendimento (MoU) com o Centro para Situações de Emergência e Redução do Risco de Desastres (CESDRR), em Almaty. O MoU foi assinado no âmbito do projeto de Promoção da Preparação para Desastres em Ambientes Isolados de Montanha no Tajiquistão Fase X, que faz parte do programa de preparação para desastres da DIPECHO, financiado pela Direção-Geral de Ajuda Humanitária e da Proteção Civil da União Europeia.

A parceria entre o Centro para Situações de Emergência e Redução do Risco de Desastres e a Agência Aga Khan para o Habitat – Tajiquistão, levará a uma maior colaboração regional na resposta a emergências e à redução do risco de desastres na Ásia Central, uma região que é extremamente propensa a desastres naturais devido ao seu terreno montanhoso. Segundo o Governo do Tajiquistão, o país foi afetado por 887 incidentes de desastres naturais no ano de 2017, incluindo avalanches, deslizamento de terras e sismos.

O Centro para Situações de Emergência e Redução do Risco de Desastres em Almaty iniciou o seu trabalho em 2016, no âmbito de um acordo ratificado pelos Parlamentos da República do Cazaquistão e da República Quirguiz. A República Islâmica do Afeganistão juntou-se à iniciativa enquanto Estado-membro observador, em 2017. O Centro foi criado para assegurar mecanismos eficazes de redução do risco de emergências na Ásia Central, e organizar uma resposta fronteiriça conjunta ou transfronteiriça.

Ao discursar na cerimónia de assinatura, o diretor do CESDRR, Valeriy Petrov, salientou que se tratava de um “grande feito” ter a Agência Aga Khan para o Habitat – Tajiquistão, como parceira, e “mais um passo em frente na parceria regional”.

Para além da assinatura do MoU, a viagem incluiu uma visita de intercâmbio para os intervenientes nacionais Tajiques, envolvidos em gestão de emergências. Durante a visita, foram também discutidos Protocolos para Procedimentos de Resposta a Emergências na Região. Paralelamente, a delegação do Tajiquistão pôde participar num workshop técnico regional, para o lançamento do processo de monitorização do Enquadramento Sendai para a Redução do Risco de Desastres, organizado pela Agência da ONU para a Redução do Risco de Desastres (UNISDR), com a participação das suas filiais de Bona e Bruxelas.

A parceria irá melhorar muito a colaboração regional no âmbito da redução do risco de desastres, o que levará a mais conhecimento e mais informação e uma melhor troca de boas práticas, para além de ajudar a reforçar a capacidade do Governo nacional quanto à preparação para desastres no Tajiquistão.

 

NOTAS

A Agência Aga Khan para o Habitat (AKAH), que incorpora as competências da Fundação Focus Assistência Humanitária, dos Serviços Aga Khan para o Planeamento e Edificação, e a Iniciativa de Gestão do Risco de Desastres da Rede Aga Khan para o Desenvolvimento, tem como objetivo a preparação para desastres súbitos ou de ação lenta. A AKAH trabalha no sentido de garantir que as pessoas mais desfavorecidas vivam em locais o mais seguros possível, dos efeitos de desastres naturais; que as pessoas que residam em zonas de alto risco consigam lidar com os desastres em termos de preparação e resposta; e que estes cenários proporcionem acesso a serviços sociais e financeiros que promovam mais oportunidades e uma melhor qualidade de vida. Inicialmente, as zonas prioritárias da AKAH irão incluir o Afeganistão, Paquistão, Tajiquistão, a República do Quirguistão e a Índia. http://www.akdn.org/our-agencies/aga-khan-agency-habitat

O Centro para Situações de Emergência e Redução do Risco de Desastres (CESDRR) em Almaty é um organismo intergovernamental permanente e internacional, criado para assegurar mecanismos eficazes de redução do risco de emergências, para mitigar as consequências dos desastres, organizar uma resposta conjunta às emergências e estimular a cooperação regional e internacional na área de gestão de emergências. O Centro está em conformidade com as normas e princípios universalmente reconhecidos do direito internacional. Para mais informação, visitar: http://cesdrr.org/en/general/

A Direção-Geral de Ajuda Humanitária e da Proteção Civil da Comissão Europeia (ECHO) é um dos maiores contribuintes em termos de ajuda humanitária, a nível mundial. Através do seu financiamento, quase 20 milhões de vítimas de desastres naturais, ou provocados pelo Homem, são ajudados todos os anos, em cerca de 70 países. A ajuda humanitária é distribuída através de 200 organizações parceiras (Cruz Vermelha e Sociedades do Crescente Vermelho, agências especializadas da ONU e ONG europeias), de forma imparcial, a quem mais precisa. Para mais informação, visitar: http://ec.europa.eu/echo/index_en.htm

Para mais informação, está disponível um vídeo sobre o programa DIPECHO, com imagens sobre o CESDRR e o trabalho de gestão de emergências no Tajiquistão e na Ásia Central: https://www.youtube.com/watch?v=nnLPY0quFZI

 

Para mais informação, contactar:

Malika Giles
malika.giles@akdn.org