Ajuda humanitária

Está aqui

Está aqui

AKDN e

Ajuda Humanitária

A ajuda humanitária da AKDN adota uma perspetiva de longo prazo em relação à resposta a catástrofes, quer sejam inesperadas ou de eclosão lenta. Esta perspetiva foi moldada pela experiência da Rede em muitos dos países onde opera, muitas vezes nas áreas mais remotas e de difícil acesso a nível mundial.

Ao tratar das necessidades imediatas das pessoas afetadas pelas catástrofes, incluindo alimentos, roupa, abrigo e cuidados de saúde, inicia também o processo de desenvolvimento a longo prazo. O principal objetivo é ajudar as pessoas necessitas a reduzir a sua dependência de ajuda humanitária e ao mesmo tempo facilitar a transição para um desenvolvimento sustentável, autossuficiente e a longo prazo.

Mais

Depois do terramoto de 2005 no Paquistão, por exemplo, a Fundação Focus Assistência Humanitária, que agora pertence à Agência Aga Khan para o Habitat (AKAH) , levou a cabo operações de socorro e evacuação em mais de uma dezena de locais, incluindo nas áreas mais remotas e de difícil acesso. Forneceu alimentos a mais de 70 000 pessoas, distribuiu mais de 1 100 tendas e mais de 14 000 cobertores e evacuou mais de 900 vítimas de locais vulneráveis.

A Universidade Aga Khan, o Hospital Universitário Aga Khan e os Serviços Aga Khan para a Saúde proporcionaram apoio médico de emergência abrangente a mais de 80 médicos (incluindo médicos, cirurgiões, pediatras, anestesistas e outros médicos especialistas), 40 enfermeiros e equipas de médicos técnicos, funcionários no local e estudantes de medicina. Mais de 350 vítimas de trauma foram tratados, 10 000 receberam cuidados médicos de emergência ou básicos e enfermagem e a formação de enfermagem, medicina e psiquiatria foi alargada. A AKDN mobilizou mais de 1000 voluntários. Em todos os seus esforços, trabalhou em estreita colaboração com vários ministérios e departamentos governamentais, agências das Nações Unidas e parceiros bilaterais e multilaterais internacionais.

Na fase de recuperação, as instituições da AKDN ajudaram as comunidades para que possam ser independentes e fazer com que o progresso e as atividades de desenvolvimento regressem para o normal. Além disso, trabalham para que possam proteger-se contra futuras catástrofes e criar bases para um desenvolvimento contínuo. A AKAH serve como um ponto focal para coordenar e acelerar as atividades de redução dos riscos nas áreas onde opera a AKDN, muitas das quais têm tendência para o perigo, mesmo sem os padrões básicos de segurança e preparação para desastres estruturais e não estruturais. Normalmente, apesar da AKAH trabalhar para preparar as comunidades para catástrofes e os efeitos das alterações climáticas, outras agências, como a Fundação Aga Khan, para lidar com alguns dos fatores que impedem o progresso a longo prazo, como segurança alimentar, gestão dos recursos naturais ou o acesso à educação.

>