Está aqui

Está aqui

  • Sirin Yousef, empresária e farmacêutica, cliente da First MicroFinance Institution em Tartous, na Síria.
    AKDN
First MicroFinance Institution, Síria
A história de Sirin Yousef

A vida de Sirin Yousef mudou drasticamente como resultado da crise em curso na Síria. Sirin perdeu a casa e o emprego como farmacêutica quando o conflito tomou conta de Aleppo. Física e mentalmente exausta e mergulhada no desespero, Sirin procurou apoiar a sua família e a do seu marido regressando à sua terra natal, Tartous.

De volta à sua terra natal, conheceu a First MicroFinance Institution através de um vizinho e um familiar, ambos beneficiários de empréstimos da instituição. Sirin ficou intrigada com as suas experiências positivas e pediu ela própria um empréstimo. O seu pedido foi aprovado e, com o seu primeiro empréstimo de 50 000 libras sírias (79 euros), ela começou o seu próprio negócio de compra e venda de medicamentos básicos. Através de um segundo empréstimo de 150 000 libras sírias, ela expandiu os seus serviços farmacêuticos para uma maior variedade de produtos, incluindo vários artigos e acessórios médicos, artigos para bebés e cosméticos.

Como consequência da abertura desta farmácia, Sirin mais do que duplicou o seu rendimento familiar de 30 000 para 75 000 libras sírias. A estabilidade financeira alcançada através da abertura do seu próprio negócio melhorou a capacidade de subsistência de Sirin e da sua família, assim como a sua qualidade de vida. Sirin conseguiu pagar os tratamentos durante a gravidez e deu à luz rapazes gémeos. Para além disso, o empréstimo permitiu-lhe continuar a expandir os seus serviços e, sendo a única farmácia em dez aldeias próximas, melhorar a qualidade de vida da comunidade em geral.

Sirin planeia expandir e melhorar o seu negócio através de novos empréstimos e investimentos. De momento, está a ponderar participar no programa da FMFI de pós-graduação para PME. Para além disso, Sirin e o seu marido estão a renovar a casa e a construir mais um andar. O empréstimo permitiu que Sirin melhorasse o seu padrão de vida, cumprisse as obrigações sociais para com a sua família, e contribuísse ainda para a saúde da sua comunidade.