Está aqui

Está aqui

  • A AKAH trabalha com as comunidades para garantir que as suas casas, escolas, hospitais e infraestruturas essenciais são resistentes ao clima e a situações de desastre. Novas habitações construídas pela AKAH para deslocados internos em Danyur, Paquistão.
    AKDN / Christopher Wilton-Steer
  • Combinando a pedra local com técnicas de reforço estrutural, a AKAH Índia desenha casas acessíveis, confortáveis e resistentes a sismos através do seu Programa de Desenvolvimento de Habitats Rurais em Gujarate, Índia.
    AKAH
  • A AKAH promove o design e materiais de construção ecológicos e energeticamente eficientes, usando materiais locais e de baixo carbono e recursos de design passivos, sempre que possível.
    AKAH Afghanistan
  • A AKAH Índia promove padrões de design e construção ecológicos, seguros, resistentes a desastres e de baixo custo, usando designs e materiais locais de modo a integrar as ambições da comunidade com as melhores práticas de engenharia.
    AKAH India
  • A opção pela construção com menor teor de carbono tem como objetivo evitar novas construções e reaproveitar uma construção existente dando-lhe um novo uso. A AKAH usou esta estratégia de reutilização adaptativa no Centro de Recursos para o Habitat em Chitrawad, Gujarate, Índia.
    AKAH India
Construção Segura e Sustentável

A AKAH dá prioridade à sustentabilidade e está no caminho para a neutralidade de carbono através de iniciativas de baixo carbono e do uso de materiais e designs energeticamente eficientes.

A AKAH trabalha com as comunidades para garantir que as suas casas, escolas, hospitais e infraestruturas essenciais sejam seguras, sustentáveis e capazes de resistir aos perigos naturais que enfrentam. Como parte do nosso planeamento para a redução do risco de desastres e ajuda humanitária, promovemos soluções de construção e reabilitação resistentes a sismos, assim como técnicas de construção para a proteção contra inundações, ciclones e outros perigos naturais. Formamos pedreiros em práticas seguras de construção e promovemos o design adaptado localmente para habitações rurais. Fornecemos ainda serviços de design e gestão de construções seguras para escolas, hospitais e edifícios comunitários, assim como para grandes aglomerados habitacionais urbanos.

O risco de desastres naturais tem vindo a aumentar devido às alterações climáticas, à pressão crescente sobre os recursos naturais e à escassez de energia e água. A AKAH está a trabalhar para expandir as soluções ecológicas de construção para aumentar a resiliência das zonas habitacionais humanas.

A AKAH está empenhada em atingir a neutralidade de carbono em todas as operações até 2025.

Os edifícios são responsáveis por 38% das emissões globais de gases de efeito de estufa. A maioria dos edifícios que existirão em 2050 no mundo em desenvolvimento ainda não foi construída.

Para a AKAH, a construção é a maior fonte de emissões de gases de efeito de estufa, responsável por 67% das emissões em 2020. As Contribuições Nacionalmente Determinadas* de vários países onde a AKAH opera visam especificamente a redução das emissões provenientes de edifícios novos e existentes como uma das principais prioridades para a mitigação das alterações climáticas.

A AKAH está a apoiar as comunidades no combate às alterações climáticas repensando a forma como os edifícios são projetados, construídos e operados. Estamos a colocar os princípios de construção ecológica no centro do desenvolvimento e a promover os princípios da construção de baixo carbono. A AKAH está a desenvolver as suas capacidades em matéria de eficiência energética e hídrica, energia verde e materiais sustentáveis. Para fortalecer esta agenda, desenvolvemos um conjunto de Procedimentos de Construção Ecológica para os novos e atuais edifícios da AKDN. Neste contexto, todos os novos edifícios têm de obedecer ao equivalente à certificação IFC EDGE Advanced, reduzindo a energia operacional em 40%. Indo mais além, todos os novos grandes desenvolvimentos terão emissões zero de carbono durante a operação.

A abordagem da AKAH procura evitar novas construções e maximizar o valor do capital de construção já existente, prolongando a vida útil das estruturas existentes. Quando construímos, concentramo-nos no uso eficiente de materiais e tecnologias locais com baixo teor de carbono no sentido de promover a eficiência energética e hídrica ao longo de toda a vida útil do edifício.

A AKAH promove medidas de design passivo que usam fontes ambientais de energia para manter um ambiente confortável no interior dos edifícios. Estas medidas incluem isolamento, sombreamento, o tamanho e orientação das janelas e ventilação natural para regular a temperatura e os níveis de iluminação dos edifícios.

O design passivo é complementado por sistemas mecânicos e de iluminação energeticamente eficientes, para além de soluções de energias renováveis. A AKAH promove também materiais de construção e abordagens de baixo carbono, como formatos sustentáveis de madeira, rocha, terra comprimida, aço reciclado ou alternativas ao cimento com baixo teor de carbono.

Os Procedimentos de Construção Ecológica da AKDN apoiam estruturas de administração e reguladores em algumas das nossas principais áreas de influência. O Paquistão está em processo de desenvolvimento do seu código de construção ecológica, o qual será substancialmente baseado nas linhas orientadoras da AKDN. A AKAH está também a trabalhar com o governo do Afeganistão para desenvolver a Contribuição Nacionalmente Determinada do país. Este é o principal documento do país em relação às alterações climáticas, o qual define as ambições de adaptação e mitigação para os próximos cinco anos. As medidas a adotar em edifícios verdes têm uma presença significativa.

akah-pakistan-immit_school_extension-r.jpg

Extensão e reforço sísmico do Liceu do Jubileu de Diamante em Immit. Os dados das HVRA em zonas de alto risco e zonas seguras são usados para reforçar, proteger e realocar infraestruturas importantes. Graças a estes esforços, mais de 100 escolas, centros de saúde e edifícios comunitários ficaram mais seguros e foram construídos em zonas seguras.
Copyright: 
AKAH

Reaproveitar para Evitar Novas Construções

Para o nosso Centro de Recursos Habitacionais em Chitrawad, em Gujarate, Índia, a AKAH restaurou e renovou um edifício de escritórios existente em lugar de construir um novo edifício. Esta estratégia de reutilização adaptativa evita as emissões de gases de efeito de estufa (GEE) decorrentes da construção de um novo edifício, reaproveitando um edifício existente e dando-lhe uma nova função. A disposição do edifício de escritórios existente foi adaptada para disponibilizar salas de formação, salas de reuniões, espaços de trabalho e espaços abertos para dar resposta às necessidades de um centro de recursos. Reutilizámos as portas e janelas existentes e o entulho gerado no local para obras de desenvolvimento complementares. Esta medida reduziu ainda mais a pegada de carbono, através da reutilização de um máximo de materiais e da limitação dos custos e das emissões decorrentes do transporte de novos materiais ou da eliminação de resíduos.

O nosso design incorpora outros recursos ecológicos e eficientes a nível dos recursos, como uma tecnologia inovadora certificada GreenPro de arrefecimento de telhados que usa um revestimento altamente reflexivo que desvia o calor e reduz as exigências de refrigeração. O edifício também usa energia solar, iluminação natural e ventilação para reduzir ainda mais as emissões resultantes das operações, e integra a recolha de águas pluviais e as canalizações de baixo fluxo na conservação de água.

Alcançar a Neutralidade de Carbono com Design Energeticamente Eficiente

Depois das cheias devastadoras de 2017 na aldeia de Dasht-e-Dehkhaw, no Badakhshan afegão, a AKAH tem estado a trabalhar com a comunidade local num projeto de relocalização voluntária. As avaliações de perigo realizadas pela AKAH após as cheias indicaram que o local original da aldeia está demasiado exposto a perigos naturais. A AKAH está a trabalhar com a comunidade num processo participativo de planeamento para a mudança para um local mais seguro nas proximidades. Através do uso de dados de avaliações de exposição a perigos, qualidade dos solos, fontes hídricas, dados meteorológicos, necessidades socioeconómicas, etc., para além de consultas junto da comunidade e da utilização de estilos de construção locais de relevância cultural e vernacular, a AKAH tem desenvolvido projetos residenciais neutros em carbono e apropriados a cada local. Os princípios da construção ecológica são fundamentais para estes projetos. São totalmente impulsionados por energia limpa através de um sistema híbrido solar e microhidroelétrico, sem quaisquer emissões diretas de GEE. Os planos para as casas e os bairros usam recursos de design passivo para maximizar a energia solar e minimizar o impacto do vento na estação fria para um melhor conforto térmico. Estes são combinados com sistemas de isolamento e janelas com eficiência energética, e um uso máximo de materiais locais de modo a atingir um design neutro em carbono. A AKAH está a aplicar princípios de design semelhantes na sede regional do First Microfinance Bank em Gilgit, no Paquistão. Os recursos de design passivo e as medidas de eficiência energética usadas neste edifício irão reduzir as suas emissões de GEE em 13 toneladas de CO2 por ano. Saiba mais

Materiais de Construção Inovadores com Baixo Teor de Carbono e Energeticamente Eficientes

A AKAH está a testar e a promover materiais de construção e soluções que tenham um baixo teor de carbono, adaptando materiais naturais como pedra, madeira e terra. Na Síria, como parte do nosso planeamento de ajuda humanitária, a AKAH está a trabalhar com as comunidades e universidades locais para revitalizar a arquitetura de terra. Estamos a formar arquitetos e engenheiros na utilização de blocos de terra comprimida estabilizados para ajudar as populações a reconstruírem as suas habitações. Testámos solos locais e vários designs para desenvolver as soluções mais adequadas ao contexto local, e estamos a integrar estes blocos em projetos residenciais adaptados às necessidades e ao clima locais. Este tipo de soluções economizam energia e reduzem as emissões, não apenas na produção e no transporte dos materiais de construção, mas também nos custos de aquecimento e refrigeração das residências. Na Índia, estamos a combinar a tecnologia certificada GreenPro de arrefecimento de telhados com jardinagem vertical e jardinagem nas coberturas ou terraços para lidar com os efeitos das ilhas de calor urbanas. Apresentámos a tecnologia de arrefecimento de telhados em grandes complexos residenciais urbanos em Gujarate e Telangana no sentido de promover a consciencialização e a adoção de medidas simples e eficazes ao nível da eficiência energética.

*As Contribuições Nacionalmente Determinadas são metas e planos nacionais definidos por cada país para a redução das emissões a nível nacional e para uma adaptação aos impactos das alterações climáticas.