Ruanda

Está aqui

Está aqui

A ADKN em

Ruanda

A Tourism Promotion Services, através da cadeia de hotéis Serena, opera no Ruanda desde 2007. Mais recentemente, em 2012, o Nation Media Group lançou uma nova estação de rádio no país. 

hide

A Tourism Promotion Services, através da cadeia de hotéis Serena, opera no Ruanda desde 2007. Mais recentemente, em 2012, o Nation Media Group lançou uma nova estação de rádio no país. 

O Fundo Aga Khan para o Desenvolvimento Económico (AKFED) tem uma reputação consolidada e vasta experiência no setor do turismo na África Oriental através da sua subsidiária, a Tourism Promotion Services (TPS). A TPS Eastern Africa é uma empresa inscrita em Nairobi, no Quénia, que gere um portfólio regional de 23 hotéis, estâncias de férias, pousadas e acampamentos no Quénia, Ruanda, Tanzânia e Uganda.

A 9 de janeiro de 2007, a TPS assinou um contrato de arrendamento renovável de 30 anos com o Governo do Ruanda (GoR) para gerir e explorar o Kigali Serena Hotel (Kigali Serena) em Kigali (anteriormente o Inter-Continental Hotel) e o Lake Kivu Serena Hotel (Kivu Serena) em Gisenyi (anteriormente o Kivu Sun Hotel).

Situado na região central de Kigali, o Kigali Serena é um hotel de 5 estrelas com 148 quartos e está perto da maioria dos escritórios governamentais, da embaixada e de apoio ao desenvolvimento. O hotel está situado a 10 quilómetros do Aeroporto Internacional de Kigali. O Kivu Serena é um hotel de 66 quartos junto ao Rio Kivu em Gisenyi, uma cidade turística do Ruanda na região norte do país, a cerca de três horas de automóvel de Kigali.

akfed-rwanda-_cgc7795bis.jpg


O Kigali Serena Hotel, que pertence à cadeia de hotéis Serena, representa os padrões mais elevados de excelência.

Os hotéis Kigali e Kivu Serena foram adicionados à infraestrutura comercial e de turismo do Ruanda, ao proporcionar alojamentos de qualidade e serviços comerciais/conferências. Os hotéis forneceram uma extensa formação aos empregados e melhoraram os padrões gerais do serviço para a indústria; aumentaram o câmbio estrangeiro e as receitas do governo graças às taxas de concessão, aos impostos sobre o rendimento e sobre o valor acrescentado e reforçaram as ligações com fornecedores locais através de aquisições regulares de produtos e outros frequentes fornecimentos operacionais, incentivando o seu crescimento e desenvolvimento.

As divisas provenientes dos visitantes internacionais ajudaram também a apoiar a vasta gama de atividades económicas locais, incluindo artesanato e souvenirs, restaurantes, transporte, excursões, entretenimento, desporto e atividades de lazer, etc. e fomentaram o aumento do turismo e das viagens de negócios e, como consequência, criaram empregos e trabalhos diretos e indiretos adicionais.

Serviços de comunicações

Em 2012, o Nation Media Group (NMG), o maior centro para a comunicação social na África Oriental e Central, decidiu investir no Ruanda com uma nova estação de rádio, a 98.7 KFM, com o intuito de “agitar” o mercado ao criar novos padrões de difusão e de catalisar reportagens de qualidade e profissionalismo no setor das comunicações no Ruanda. A estação de rádio, cujo lema “novos sucessos, debates importantes” está direcionada para os jovens de Kigali e principalmente para transmissões em Kinyarwanda.

hide

hide

hide