Bolta Parcha

Bolta Parcha

ehrc-2-bolta_parcha.jpg


Copyright: 
AKDN

A Bolta Parcha, que significa Receita Médica Falante, avalia a eficácia da utilização de ferramentas e tecnologias de saúde móvel para aumentar a adesão à medicação e a literacia em questões de saúde em pacientes com doenças vasculares no Paquistão. 

As doenças vasculares resultam em altas taxas de morbidade e mortalidade, especialmente em países de baixos e médios rendimentos. O Paquistão tem uma das taxas mais baixas de alfabetização do mundo, o que significa que a falta de alfabetização em saúde representa um grande desafio. Para além disso, muitos pacientes não entendem ou não seguem muitas vezes as prescrições de medicamentos, que estão escritas em inglês e não na língua local, o urdu. 

Este projeto de saúde móvel tem como objetivo avaliar a eficácia e a aceitação das Receitas Médicas Falantes de Resposta Interativa por Voz (RIV) no sentido de aumentar a adesão à medicação e a literacia em saúde em pacientes paquistaneses com doenças vasculares. 

O Serviço de AVC da Universidade Aga Khan, o Baylor College of Medicine e o eHRC AKDN colaboraram para desenvolver e coordenar um sistema de Receitas Médicas Falantes de RIV e de alertas por SMS. O sistema permite que os pacientes tenham acesso a mensagens de voz personalizadas, sendo os alertas de medicação via SMS enviados para aumentar a adesão à medicação e a alfabetização em saúde. 

O sistema opera em dois tipos de aplicações integradas entre si: uma aplicação de imagiologia em computador, que digitaliza as receitas médicas, e uma aplicação online de registos médicos, que regista os pacientes, armazena os seus dados farmacêuticos e comunica com outros servidores de mensagens. O sistema também possui um servidor de mensagens e voz, que permite o armazenamento e a vinculação de arquivos áudio. 

O RIV é adaptado às respetivas receitas médicas dos pacientes. Os pacientes podem ligar para o hospital em qualquer altura e receber informações acerca da sua dosagem, dos possíveis efeitos secundários e a razão pela qual devem tomar os medicamentos. 

O RIV é adaptado às respetivas receitas médicas dos pacientes. Os pacientes podem ligar para o hospital em qualquer altura e receber informações acerca da sua dosagem, dos possíveis efeitos secundários e a razão pela qual devem tomar os medicamentos. 

O RIV é adaptado às respetivas receitas médicas dos pacientes. Os pacientes podem ligar para o hospital em qualquer altura e receber informações acerca da sua dosagem, dos possíveis efeitos secundários e a razão pela qual devem tomar os medicamentos.