Aga Khan Development Network
 

What's New

General News

Press Releases

Speeches

Spotlights

Publications

In the Media

E-mail Bulletin Archives

Photos & Slide Shows

Videos

Podcasts

Awards received

Grant News

Rss

Discurso de Presidente da República Armando Guebuza, Palácio da Ponta Vermelha, Banquete Oficial (Maputo, Moçambique)

20 November 2007

 

Please also see: Photographs and Speech in English

Damos-lhe, Sua Alteza e à ilustre delegação que o acompanha, as nossas calorosas boas-vindas a esta Pérola do Indico. Apraz-nos, sobremaneira, pudermos, de forma directa, reiterar as nossas felicitações pela celebração do Jubileu de Ouro de Sua Alteza, o Quadragésimo nono Imã hereditário da Comunidade Muçulmana Ismaili.

Congratulamo-nos por esta oportunidade de juntos estarmos não só para exaltar a obra que foi construindo ao longo de meio século de liderança espiritual desta comunidade religiosa como pelas obras cuja construção vem impulsionando em muitas partes do mundo. Endereçamos os nossos votos de maiores sucessos no prosseguimento do exercício das funções que exerce e na disponibilização de mais solideriedade e apoio a vários povos do mundo, incluindo o Moçambicano.

Com muita preserverança e entusiamso, tem efectivamente, na sua qualidade de fundador e presidente da Rede Aga Khan para o desenvolvimento, contribuíndo, de forma significativa, para a formação integral do homem e para o desenvolvimento integrado de países no mundo.

Entre nós há sinais encorajadores que adensam a nossa certeza de que estão lançadas as bases para uma cooperação mais ampla, deversificada e duradoira com a Rede Aga Khan para o desenvolvimento quer tendo em vista a formação integral do homem quer visando o desenvolvimento integrado do nosso Moçambique. Temos para exemplo:

o projecto de desenvolvimento rural e integrado da costa litoral da Província de Cabo Delgado;
os investimentos no Hotel Polana, uma referência turística e arquitectónica, de grande relevo em Moçambique; e
o projecto da academia Aga Khan da Excelência no Município da Matola
Parte destas actividade que também incluem as áreas da saúde, desenvolvimento do empresariado nacional e microfinanças, beneficiam presentemente cerca de 100.000 moçambicanos.

Estes nossos compartriotas, acedem a estes projectos e aos seus beneficíos, independentemente do género, fé religiosa ou condição social e, deste modo, a Rede Aga Khan para o Desenvolvimento participa, de forma sustentável, na luta que travamos contra a pobreza em Moçambique, no campo e na cidade, do Rovuma ao Maputo e do Indico ao Zumbo.

As conversações que entabulamos esta tarde resultaram em outras áreas passíveis de inclusão na cooperação que desenvolvemos. Neste contexto, sublinhamos o nosso interesse e compromisso de ver estas áreas identificadas transformadas em projectos e estes em resultados com impacto directo na vida do nosso Povo.

Estamos certos que a implementação dos projectos em curso e a materialização dos que hoje identificamos, são importantes pedras de consolidação da amizade e empatia entre esta Rede e os moçambicanos. Também são uma inestimável contribuíção na redução da pobreza e para o alcance dos Objectivos de Desenvolvimento do Milénio.

É oportuno reconhecer e destacar, que esta empatia e amizade que a Rede Aga Khan para o Desenvolvimento encontra em Moçambique e no seio do nosso Povo brota de uma convivência de muitos séculos ao longo dos quais se foram cristalizando os traços orientais e do islão na nossa Pátria Amada. Nessa interacção e convivência, as nossas culturas enriqueceram-se mutuamente e deste exercício ambas se beneficiaram como também se benefeciou o resto da Humanidade.

Sua Alteza,
Minhas Senhoras e Meus Senhores,

Moçambique caracteriza-se pela Paz, establidade e crescimento social e económico. No passado dia 4 de Outubro celebramos quinze anos de Paz e reconciliação no seio da Família Moçambicana. Um dos momentos mais marcantes dessas celebrações foi o culto ecuménico, durante o qual diferentes religiões rezaram por um Moçambique que continua a cultivar o princípio de que a única alternativa à paz é a própria Paz.

A estabilidade nesta Pérola do Indico é propiciada pelo ambiente de democracia multipartidária, de diálogo e de inclusão que cultivamos no quotidiano. É igualmente sustentada pela parcerias internas que forjamos com os diferentes actores nacionais que, como nós, têm sabido transformar a Paz e a estabilidade em mais um importante recurso colocado ao serviço do nosso desenvolvimento social e económico.

Durante este poucos dias de estadia na nossa Pátria Amada, Sua Alteza notará que novas infra-estruturas sociais e económicas se erguem no nosso horizonte como monumentos que assinalam as vitórias que estamos a registar na luta contra a pobreza. Mais escolas, mais postos de saúde e mais fontes de água potável que estão sendo implantados, à largura e extensão do nosso Moçambique, têm um impacto considerável na vida do nosso Povo. De igual modo, mais localidades e cidadãos moçambicanos beneficiam-se:

de mais estradas reabilitadas e de novas pontes;
da rede de telefonia móvel e fixa e de energia, vinte quatro horas ao dia;
beneficiam-se ainda, de mais postos de trabalho que são criados pelo investimento público e privado, nacional e estrangeiro. Recentemente, inauguramos o projecto das areias pesadas de Moma cujo impacto, mesmo para as comunidades locais, e já visível.
Sua Alteza,
Minhas Senhoras e Meus Senhores,

A presença de Sua Alteza Aga Khan, entre nós, é um momento particularmente previlegiado para trocarmos pontos de vista sobre a situação interna em Moçambique e sobre o impacto dos projectos da Rede Aga Khan para o desenvolvimento. É, ao mesmo tempo, uma oportunidade para reiterarmos o nosso compromisso conjunto para continuarmos a nossa parte na construção de um mundo caracterizado pela cultura de paz, solidariedade e prosperidade.

Assim, convidamos a todos os presentes para se juntarem a nós num brinde:

À saúde e felicidade de Sua Alteza Aga Khan;
Ao Jubileu de Ouro de Sua Alteza Aga Khan;
Aos sucessos na cooperação entre Moçambique e a Rede Aga Khan de Desenvolvimento.
Muito obrigado pela vossa atenção.

Bookmark and shareBookmark & Share

Return to top